Coronavírus: Câmara suspende atividades a partir desta segunda-feira (23)

por Ouvidoria publicado 20/03/2020 16h01, última modificação 20/03/2020 16h01
Funcionários devem voltar as atividades somente no mês de abril

Como uma das formas de evitar o avanço do coronavírus em Linhares, o presidente da Câmara dos Vereadores, Ricardo Bonomo, determinou que as atividades do legislativo municipal sejam suspensas. O decreto passa a valer a partir da próxima segunda-feira (23).

De acordo com a decisão, servidores e funcionários vão voltar às funções somente no dia 6 de abril. “É uma decisão extrema, mas estamos seguindo uma tendência nacional. Uma das maneiras de evitar a contaminação é a de, justamente, não ter contato com outras pessoas. Todo o pessoal foi recomendado a ficar em casa durante esse período”, explica o presidente.

Ainda de acordo com Bonomo, o prazo de suspensão pode ser prorrogado de acordo com a situação do município que, atualmente, segundo o último boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), divulgado nessa quinta-feira (19), tem um caso confirmado da doença e 36 em investigação.

Além disso, alguns servidores da Casa, responsáveis por setores importantes, vão continuar trabalhando à distância, no chamado home office. “Setor de contabilidade, comunicação e compras continuam trabalhando, mas de forma remota. Se tiver a necessidade de uma sessão extraordinária, por exemplo, aí a gente convoca outros setores, funcionários e vereadores”, esclarece Bonomo.

Com a suspensão das atividades, o decreto que adiantou férias de funcionários foi revogado para não prejudicar o direito dos trabalhadores. Além disso, no período de suspensão, servidores e funcionários não vão ser penalizados com falta.